Editora JBC Made in Japan Hashitag Mangás JBC AkibaSpace BMA

Onde está a arte na gastronomia

De forma geral podemos dizer que arte é a comunicação entre artista e espectador. Trata-se de um diálogo, em verdade muitas vezes de mão única, mas que é carregado de significado e sentimentos.

Na cozinha não é diferente. Ao transformar o alimento, um bom cozinheiro trabalha pensando em sensações. A gastronomia, como entendemos atualmente, talvez seja uma das formas mais completas de arte, pois tem a habilidade de estimular todos os sentidos muitas vezes de uma vez só.

A beleza geométrica da apresentação de um prato bem montado, o cheiro inconfundível do café fresco sendo passado, o som crocante da casca do pão saído do forno ainda quente, o sabor nostálgico de um prato familiar que remete à infância e a riqueza de texturas de uma delicada sobremesa francesa.

Nada disso é obra do acaso. Por trás de cada textura, cheiro ou cor, há o trabalho de uma pessoa empenhada em causar uma sensação. Como negar arte nisso?

Talvez o ato de pensar o alimento como arte seja o que divide a boa da má gastronomia.

A arte da gastronomia está na intenção de contar uma boa história e provocar os sentidos. Possivelmente, essa é a única característica que os maiores chefs de cozinha compartilham.

Rafael_Salvador-ok
RAFAEL SALVADOR
Fotógrafo da Nikko Fotografia para a revista Hashitag.

Instagram: @rafael_salvador
Mais posts de Rafael Salvador, clique aqui.