Editora JBC Made in Japan Hashitag Mangás JBC AkibaSpace BMA

Eatrip – A Expedição Gastronômica

eatrip-noite-gl
Ponto alto do Eatrip: um jantar num flutuante, iluminado exclusivamente com lampião a gás e velas. O escultor Yutaka Toyota observa a destreza do chef Celso Amano, montando o balcão de sushi fotos: Tatewaki Nio

eatrip-bambus-gl
Shin Koike buscando brotos de bambu para o cozido Nimono, feito com caldo dashi bem denso, lascas do peixe bonito e alga konbu
Foram quase seis meses entre estudos preliminares, pesquisa de campo (e de mar), logísticas de translados e, especialmente, obtenção dos insumos para levantar este projeto gastronômico pioneiro, o Eatrip.

O objetivo: convidar um chef de cozinha para Ilha Grande, um paraíso ecológico que se alcança a partir de Angra dos Reis, RJ. Lá, esse chef seria desafiado a preparar pratos com produtos locais, buscando a simplicidade e os fundamentos da gastronomia. Uma busca quase arqueológica no universo dos sabores. O premiado chef Shin Koike, do Restaurante Aizomê, topou o desafio. Após duas viagens de pesquisa, listou o que encontrou na Ilha: brotos de bambu, frutas nativas, o peixe beijupirá, frutos do mar e vieiras. O conceito do cardápio estava nascendo.

Ilha Grande tem uma pequena comunidade japonesa, de origem okinawana. Pudera: a paisagem é um espelho de Okinawa. Viviam da pesca e produziam o dashiko, o peixe seco que é a base para todos os caldos. Mas há certas preciosidades, ainda hoje preservadas, como o tofu, produzido lá mesmo, com a água do mar, rico em cloreto de magnésio. Comunhão com o oceano, comunhão com o Japão. Uma ambientação natural propícia para descobrir os fundamentos essenciais da legítima culinária japonesa.

Participaram desse primeiro Eatrip 15 corajosos comensais, curiosos por compartilhar essa experiência gastronômica longe do
conforto de um restaurante estrelado. Um pequeno público multidisciplinar: chef de restaurante, hair designer, editores, jornalistas, artistas, empresários, gourmets. Todos em comunhão, em busca de um sabor fundamental, em imersão com a natureza.

As refeições foram verdadeiras cerimônias. Rituais de sagração gastronômica. O simples que convida às raízes, onde o menos é o mais. Foi quando os participantes descobriram que a felicidade está mesmo muito próxima. Basta se desapegar. Basta reduzir.

 

Projeto Eatrip Ilha Grande com chef Shin Koike

28 a 30 de outubro de 2011

Concepção Dô Cultural | Jo Takahashi

Chef convidado Shin Koike

Colaboração Pousada Nautilus

Patrocínio Kikkoman

Divulgação Made in Japan